InNacionais, Planejamento, Viagem

Roteiro de Ibitipoca – Parte I

Última atualização em

Começando a série do roteiro de Ibitipoca, como já tinha dito aqui, a gente pegou um quarto em Juiz de Fora pois subir a serra de Ibitipoca de madrugada seria perigoso (conforme já tínhamos lido). Saímos daqui de noite e foi bem tranquilo chegar lá – embora todo mundo tivesse cansado da semana de trabalho, foi super divertido. A ida para Juiz de Fora tem 3 pedágios, todos na faixa de 12 – 17 reais, algo assim. Alugamos pelo Airbnb e quando chegamos – apesar de na descrição estar como ‘quarto’, era uma casa. Eram 2 quartos, sala, banheiro, cozinha, tudo direitinho – eles esqueceram de deixar os 2 colchonetes que pedimos, mas eu dormi no sofá e pegamos um colchonete que estava no carro para uma das meninas (obrigada, Lucas!). Na madrugada, por volta das 5h já estavámos indo para Ibitipoca.
De Juiz de Fora para lá leva em torno de 1h e pouca, por aí – eu sinceramente esperava que a estrada fosse pior (pelo que tinha lido nos blogs). É ruim, tem barro, subida, mas não é assim tão desesperador, rs. Mas se tiver chovido ou tiver chovendo, aí vai ser beeem pior.
Chegamos em Ibitipoca, dentro do Parque, e.. lembramos que não tínhamos enchido o tanque de gasolina! :O e um dos carros estava na reserva. Alerta máximo! Não se esqueçam de conferir o tanque em Lima Duarte, gente, pelo amor de Deeeeus! 
Garantimos os ingressos e descemos para o centro de Ibitipoca pra ver se alguém poderia nos salvar e achamos um barzinho que vende gasolina à R$ 8,00 o LITRO! Se você acha gasolina cara, o que acha dessa? rs

Como a gente precisava muito, colocamos alguns litros, tomamos um café da manhã reforçado e subimos novamente para o Parque.

roteiro de ibitipoca
roteiro de ibitipoca

Lições Aprendidas:

1. Conferir o tanque de gasolina;
2. Ir sempre com dinheiro em espécie (a maioria dos locais, a não ser as lojinhas de artesanato, não tem máquina de cartão);
3. Ir com carro alto e de preferência acima de 1.0 – ideal 1.4 ou mais (se você não tem, sugiro alugar). Acho que um carro 1.0 alto, dependendo do carro, atéee sobe (se tiver vazio) MAS é bom não arriscar.
Confira todos os posts de Ibitipoca clicando aqui!

Reserve já sua próxima viagem:

1

Você também pode gostar de

1 Comentário

  • Roteiro de Ibitipoca - Parte II - Contos e Encontros

    […] que você já sabe as dicas iniciais de Ibitipoca, vamos falar sobre o Parque – no primeiro dia estava previsto fazer a trilha da Janela do […]

    Novembro 1, 2018 at 12:13 am Reply
  • Deixar um comentário