InNacionais, Viagem

O que fazer em Sana | Cachoeiras do Sana

cachoeiras do sana

Última atualização em

Embora muita gente nunca tenha ouvido falar do Arraial do Sana, o lugar pertence ao município de Macaé e fica bem perto do Rio de Janeiro, mas o acesso não é tão fácil: se não for de carro, você precisa pegar um ônibus até Casimiro de Abreu (procure os horários antes de comprar a passagem, pois são apenas 3 ou 4 horários) ou Macaé e de lá um ônibus que vai até Sana. É bem procurado por amantes da natureza, tranquilidade, cachoeiras e trilhas e é rodeado por jovens. Passei um feriado por lá e vou contar aqui o que fazer em Sana, esse lugarzinho pequeno mas que vai te fazer um bem danado!

o que fazer em sana rj
Pine no Pinterest e guarde as dicas para sua viagem <3

Cachoeiras em Sana – Sítio Bambu

As cachoeiras mais famosas em Sana ficam localizadas no Sítio Bambu, onde você chega facilmente por uma caminhada pequena no centro da cidade. Dentro do sítio você vai passar por 6 locais para banho (Cachoeira do Escorrega, Poço das Borboletas, Poço da Gruta, Cachoeira Mãe, Cachoeira Pai e Cachoeira Sete Quedas) e a pedra do peito do pombo (essa fica a 7km e por isso não fiz, já que minha prioridade eram as cachoeiras). Na entrada do sítio você paga R$ 10,00 da taxa de visitação, assina o termo de responsabilidade e pode passar o dia inteiro lá. Moradores do Sana cadastrados, crianças até 12 anos e idosos com mais de 60 anos são isentos.

Cachoeira do Escorrega

Apenas 360m da entrada fazem com que essa seja a cachoeira mais procurada principalmente por famílias com crianças pequenas. Tem bastante espaço para banho e ela é realmente bem gostosa – ficamos um tempo lá antes de seguir para as próximas.

cachoeira do escorrega
O tal escorrega garante a brincadeira das crianças!
cachoeira do escorrega sana rj
Porque a gente cria conteúdo e curte ao mesmo tempo, né mores? 🙂

Poço das Borboletas

Acabamos não parando no Poço das Borboletas porque como ficamos muito tempo na primeira, imaginamos que não daria tempo de fazer todas se fossemos parando em todas. Mas o Poço das Borboletas me pareceu uma ótima opção se você quer curtir uma cachoeira do Sana um pouco menos lotada, se você for num feriado.

cachoeira poço das borboletas do sana

Poço da Gruta

Seguindo para as demais cachoeiras você vai passar também pelo Poço da Gruta – outra que não paramos.

Cachoeira Mãe

Nós acabamos subindo direto até a Sete Quedas e depois fomos descendo, então conhecemos Sete Quedas, Pai e depois Mãe. Mas você pode fazer qualquer ordem (achamos assim um pouco mais fácil no nível).

A cachoeira mãe tem uma corda para apoio para subir/descer a ladeira que leva ao seu poço. Um pessoal doido pula de uma pedra e eu fiquei nervosa de assistir, rs. Não entramos na água pois fizemos isso na sete quedas e o sítio já iria fechar, então passamos apenas para conhecer e ficar uns 10/15 minutos curtindo o ambiente.

cachoeira mãe do sana

Cachoeira Pai

A cachoeira pai é aonde muitos doidos pulam – a profundidade é bem grande – e vão nadando até a mãe ou sobem para pular novamente. Embora todos estejam bem, eu morro de medo de pular em cachoeira rs…

+Leia mais: Planejamento Ibitipoca MG

Cachoeira Sete Quedas

A minha preferida de todas – e também a mais distante – tem uma queda grande que dá para aproveitar (embora eu acidentalmente tenha escorregado lá, rs.. mas nada demais apenas vergonha mesmo) e também tem um poço onde você pode relaxar e foi aonde ficamos a outra parte da tarde.

Onde comer no Sana?

Lá tem algumas opções de local para comer e a maioria é bem barato – um ou outro que são mais elitizados. Assim que saímos do sítio, fomos para a direita na direção da onde estávamos hospedadas (casa de uma amiga – obrigada Dhara!) e vimos um restaurante no lado esquerdo (acho que não tem nome – apenas vem ‘comida caseira à lenha – self service ou a kilo’). Pedimos no self service e paguei R$ 15,00 com bebida.

restaurante para comer barato no sana
Não tem nome mas a comida é boa, tá?

Artesanato Local

Se você é daqueles que procura incentivar e apoiar o artesanato e artistas locais, você precisa dar uma passada na Feira de Artesanato CriaSana. Um lugar com ambiente bem gostoso de ficar e pessoas muito talentosas vendem de roupas a cordões, passando por abajur e coisas para casa. O CriaSana funciona sábados e feriados das 10h às 22h e domingos de 10h às 18h.

Pousadas Sana

Provavelmente se você for para Sana, vai preferir se hospedar em um dos vários campings que tem por lá e realmente tirar um fim de semana roots, imerso na natureza. Eu não fiquei em pousada nem camping pois tenho uma amiga que mora lá e fui convidada por ela – mas os mais famosos por lá são o Sana Camping (que também tem opções de trailers e suítes) e o Art Cafe Camping. A parte boa é que como esses campings estão próximos as cachoeiras do centro, tem rios dentro onde você pode aproveitar o máximo da natureza.

+Leia mais: Pousadas em Ibitipoca

Se você procura um pouco mais de conforto e não quer ficar em camping, tem duas opções no centro com avaliações incríveis no booking e valores ótimos. O Aconchegart Sana cotado hoje para um fim de semana sem feriados em Março de 2019 custa só R$ 520,00 para um casal para 2 diárias e a Pousada Puro e Simples, que conta também com café da manhã e ficaria em R$ 400,00 para um casal com 2 diárias (mesmas condições e datas da pesquisa acima).

Noite no Sana

Gosta de dançar e quer algo para fazer a noite por lá também? procure o Bambu e veja o que tem nos dias que vai ficar por lá. No feriado fomos em um dos dias de forró – é bem animado, fica cheio e com bastante gente disponível para dançar!

Reserve já sua próxima viagem

  • Booking.com – Hostels/Pousadas
  • Airbnb – Apartamentos/Casas
  • Chip Internacional utilize o código “contoseencontros” para 10% no pedido
  • Pacotes de Viagem com o Hurb – Hotel Urbano
  • Câmbio na melhor casa com desconto usando o código “contos_e_encontros”
  • Seguro viagem com Seguros Promo – lá você cota em todas as seguradoras e você escolhe o melhor custo x benefício pra você! Com o cupom “contoseencontros” você ainda ganha 5% de desconto
  • Citypass – economize até 50% em passeios fora do Brasil
  • Aluguel de carro em até 12x para destinos nacionais e internacionais, sem IOF, com a Rent a Car
20

Você também pode gostar de

20 Comentários

  • Luana Souza

    Que fotos fantásticas! Faz tanto tempo que não vou numa cachoeira que acho que nem sei mais como é a sensação hehe. Nunca tinha ouvido falar desse lugar, mas achei lindo, um verdadeiro tesouro da natureza! Ah, e os artesanatos são sempre tentadores *-* quando viajo quero trazer vários coisinhas para a casa, não tem jeito!

    Fevereiro 27, 2019 at 9:14 pm Reply
    • Juliana Alves

      Luuu, que isso! Vambora pra uma cachu! É uma sensação indescritível, uma paz, renovação/limpeza de energias!
      Lá é lindo mesmo! E os artesanatos também me encantam, quero gastar tudo que tenho e não tenho! hehehe

      Março 2, 2019 at 5:38 am Reply
  • Imprevistos Musicais

    Nunca tinha ouvido falar em Sana, mas me apaixonei!!! Sou apaixonada por essas viagens envolvendo a natureza, e amo cachoeiras. Aqui perto de Brasília vamos muito pra Chapada dos Veadeiros, que é meu amorzinho, mas seria muito legal conhecer outros cantinhos do Brasil.
    Amei teu post, como sempre, muito completo 💛

    Fevereiro 28, 2019 at 8:56 pm Reply
    • Juliana Alves

      Que delícia saber que te apresentei – mesmo que virtualmente – um local novo desse Brasilzão! Também amo cachoeiras e sou louca pra ir na Chapada!! Obrigada pelo comentário <3

      Março 2, 2019 at 5:39 am Reply
  • Malu Silva

    Eu A-M-O cachoeiras! Tem algumas aqui no meu estado, mas já quero visitar essa quando for pro RJ <3

    Fevereiro 28, 2019 at 10:17 pm Reply
    • Juliana Alves

      Malu, que bom saber que ama! Eu também sou louca por cachoeira, rs.
      Tirando a água gelada, é perfeita hehehehe visita simmm!
      Obrigada pelo comentário!

      Março 2, 2019 at 5:40 am Reply
  • Nathalia

    Lindas cachoeiras tenho vontade de viajar assim.

    Fevereiro 28, 2019 at 10:57 pm Reply
    • Juliana Alves

      Nath, é uma viagem tão baratinha! Não parece, mas viajar pode ser possível DEMAIS! 🙂
      Obrigada pelo comentário!!

      Março 2, 2019 at 5:42 am Reply
  • Vitória Bruscato

    Primeiramente: que blog mais lindo!! Estou completamente apaixonada <3
    Segundamente: que post mais completo! Eu amo posts com dicas de lugares para conhecer, e se não for completinho eu nem quero, hehehe.
    Que delícia essas cachoeiras. Já senti uma paz só de ver as fotos!

    Março 1, 2019 at 1:50 am Reply
    • Juliana Alves

      Viiiitória! Pode curtir quantas vezes um comentário desses? hahahha
      Que motivador! Obrigada mil vezes!!
      E eu falo/escrevo pra caramba mesmo ahahhaha alguns locais eu até consigo desmembrar, mas esses de fim de semana ou feriado ficaria muito pequetito se fosse cortar né? e realmente: é uma PAZ estar lá! Estar na natureza, né? Obrigada de novo! 🙂

      Março 2, 2019 at 5:44 am Reply
  • Thamires Kaled

    Fui em Sana no Réveillon de 2017, para mim foi uma experiência horrível. Demora muito para chegar, tem restrições demais e como eu fui com uma galera na época, nem pude aproveitar direito. Fomos apenas na cachoeira do escorrega. :/

    Março 1, 2019 at 11:08 am Reply
    • Juliana Alves

      Ahn, que chato, hein? quais restrições você diz? eu não recomendo nenhum lugar desses para feriados de grande movimentação (carnaval/ano novo), entendo completamente o que você diz! Mas tente voltar num feriado normal do ano ou fim de semana que com certeza você vai tirar essa impressão. Eu fui num fim de ano para Praia do Sono, em Paraty – pra NUNCA mais! rs quero muito voltar lá numa época mais tranquila, mas para ano novo nunca mais, rs. Obrigada pelo seu comentário!!

      Março 2, 2019 at 5:48 am Reply
  • Pia Manfroni

    Nossa… foi o local da minha adolescência; íamos em bando… kkk Adorei rever as cachoeiras… nostalgia total!! Obrigada.

    Março 1, 2019 at 11:02 pm Reply
    • Juliana Alves

      Pia, que delíciaaaa saber que você lembrou de um momento legal da sua adolescência vendo meu post! Obrigada você pelo comentário!!

      Março 2, 2019 at 5:49 am Reply
  • Blink Blog

    Que lugar lindo! As fotos ficaram muito boas, deu muita vontade de conhecer. Eu também morro de medo d epular em cachoeira, mas pretendo superar um dia kkkk Gosto de posts assim, pois ajuda muito que é de fora, além de dar otimas dicas para acabar não sendo trouxa no local.

    Março 2, 2019 at 3:38 pm Reply
    • Juliana Alves

      Caramba, obrigada pelo comentário! Eu tambéem pretendo superar meu medo e pular um dia, porque acho que a sensação deve ser INCRÍVEL! <3

      Março 3, 2019 at 2:11 pm Reply
  • Pousadas em Miguel Pereira | Pousada do Xatô - Contos e Encontros

    […] +Você também pode gostar: O que fazer em Sana | Cachoeiras do Sana […]

    Março 19, 2019 at 4:35 pm Reply
  • Sabrina Luisa da Silva Ramos

    Um lugar maravilhoso para passear e descansar.Achei maravilhoso.
    https://www.estilosamorena.com.br/
    beijos!

    Março 25, 2019 at 5:00 pm Reply
  • O que fazer em São Thomé das Letras (MG) - Contos e Encontros

    […] +Leia também: O que fazer no Sana | Cachoeiras do Sana […]

    Outubro 8, 2019 at 1:32 pm Reply
  • Deixar um comentário