InCanada, Hospedagem, Viagem

Hostel em Vancouver – Hi Central x Samesun

Hi Vancouver Central x Samesun Hostel

Última atualização em

Uma das coisas que me surpreendeu bastante em Vancouver é o valor alto para se hospedar por lá principalmente próximo ao centro da cidade. Por esse e outros motivos, resolvi ficar em um hostel em Vancouver e quando eu pesquisei tinham 3 opções principais com valores bem próximos: Hi Vancouver Central, Hi Vancouver Downtown e Samesun. Eu me hospedei em 2 – como boa blogueira que sou! rs – e vim contar todas as minhas impressões aqui.

Hi Vancouver Central – Hostel em Vancouver

hi vancouver central

Acomodação

Eu fiquei num quarto feminino compartilhado com mais 3 pessoas – são 2 beliches e cofres. O quarto tinha um tamanho OK, porém alguns pontos a comentar: tinha pia no quarto mas não podia usar (eu acho que seria ótimo se colocassem para funcionar, assim poderíamos escovar o dente lá mesmo ou se precisar lavar as mãos, etc), as tomadas não ficam perto da cama (só para quem dorme embaixo) e achei que tinham poucas tomadas. Não é nada demais, para ser um motivo de não voltar, mas acho que são melhorias importantes a serem consideradas.

quarto hi vancouver central

quarto hi vancouver central

Localização

O Hi Vancouver Central fica localizado na Granville Street e mesmo que você não a conheça agora – não se preocupe – pois você com certeza irá conhecer quando chegar em Vancouver. A rua é uma das principais (se não A principal) e é onde estão os barzinhos, muitas lojas, o shopping pacific center entre outras coisas. Tem um ponto de ônibus bem na frente e por ser uma rua principal, tem bastante movimento até a noite – o que é ótimo para quem está sozinho. Embora a rua tenha moradores de rua e alguns usuários de drogas, não tem porque se sentir inseguro e provavelmente você vai ver isso nos primeiros dias – eu cheguei com um pouco de receio mas logo relaxei. Nunca vi nenhum mexendo com ninguém, no máximo pedindo dinheiro.

Preço

Eu passei a maior parte da minha estadia em Vancouver nesse hostel, então foram 10 diárias e eu paguei CAD 500 (o que deu em torno de R$ 1.440) e o Hostel é membro do HI (Hostelling International) que é uma rede a nível mundial de associações de pousadas. Achei isso ótimo porque funciona mais ou menos assim – você ganha um ‘desconto’ por pagar uma taxa pequena para de associar por um ano – e isso garante desconto em outros hostels ao redor do mundo. Tem em São Francisco, Paris, Roma, Londres, Nova York, entre outros.

Café da Manhã/Serviços

Os dois hostels que eu fiquei tinham café da manhã e é aquele estilo bem diferente do que estamos acostumados no Brasil, rs. Tem pão de forma, fruta (maça e banana, normalmente), sucos, geleias, cereais.. nada demais porém ok. Quanto ao serviço, não tenho do que reclamar – o quarto estava sempre limpo, os banheiros também. Eles colocam avisos em todos os lugares para não levar comida pra os quartos pois em Vancouver tem muitos ratos, e eu fiquei sabendo de uma menina que levou cereais e o rato comeu :O #nãoarrisque!

O hostel conta com muitos banheiros por andar (o banheiro é privativo e tem chuveiro, privada e pia), cozinha, sala de tv, lavanderia ($) e tem diversas atividades gratuitas ou bem mais baratas do que fazer sozinho (fiz um tour para o Stanley Park com eles e foi maravilhoso!). Uma dica: a maioria dos tours saem do outro Hostel que é do mesmo grupo, o Hi Vancouver Downtown – a localização dele é um pouquinho mais afastada que o Central, mas também é numa rua mais ‘calma’ e sem tanta agitação noturna. De qualquer forma, dá para ir a pé para a Granville tranquilamente.

banheiro hi vancouver central

cafe da manhã no hi vancouver central

Samesun Hostel – Hostel em Vancouver

Acomodação

Eu fiquei num quarto feminino compartilhado com mais 3 pessoas – são 2 beliches e cofres. O quarto era um pouco mais apertado que o Hi Vancouver Central mas algumas coisas funcionavam melhor: o quarto desse hostel tinha um grande espelho (mulheres sabem o quanto isso é importante, rs), todas as camas tinham 4 ou 5 tomadas na cama para usar além de uma lâmpada – ótimo para não atrapalhar as amiguinhas, rs – e um ventiladorzinho pequeno em cada uma também (mas o da minha pelo menos não estava funcionando). Como destaque negativo, as camas pareciam mais velhas – faziam muito barulho e como a menina que dormiu na cama de cima se mexia demais, mesmo muito cansada, eu dormia muito mal por conta do barulho que a cama fazia sempre que ela se mexia. Uma coisa que achei legal é que as portas eram de países lá!

Localização

Lembram que eu falei que o Hi Vancouver Central ficava na Granville Street, que era uma ótima localização? então, atravesse a rua – literalmente – e de frente para ele estará o Samesun! rs ou seja, a localização também é maravilhosa.

fachada samesun

Preço

Eu passei apenas 3 diárias nesse hostel e paguei CAD 174 (em torno de R$ 502) – o valor estava praticamente igual ao Hi Vancouver Central e eu queria ter dois hostels para opinar no blog, por isso reservei os dois.

Café da Manhã/Serviços

Assim como o outro, tem pão de forma, fruta (maça e banana, normalmente), sucos, geleias, cereais.. achei bem menos servido e organizado que o Hi Vancouver – cada coisa fica em um lugar diferente e achei um pouco confuso. Quanto ao serviço, não tive o que avaliar muito bem pelo tempo, pois fiquei bem menos que o outro, mas não tive nenhum problema.

Assim como o outro, o hostel também tem muitos banheiros (não tinha fila em nenhum dos dois) porém esse era um pouco diferente – o lugar de chuveiro é separado do lugar onde tem a privada e a pia (o que eu particularmente não gostei muito, preferia já ter tudo no mesmo lugar), e além da parte da privada/pia ser minúscula, a acústica era muito ruim (dava para ouvir tudo – o que não era legal! rs). Ele também tem cozinha, sala de tv, local para trabalhar (mesas confortáveis para notebook, etc), bar (diferencial) e assim como o primeiro, também conta com atividades gratuitas ou bem baratas, mas não cheguei a fazer tour com eles.

banheiro samesun(olha o tamanho desse banheiro, xentem)

cafe da manha samesun

espaços comuns samesun(a cozinha e o espaço comum do Samesun Hostel)

Prós e Contras – Qual Escolher?

Pela minha experiência, eu escolheria de novo mais de mil vezes o Hi Vancouver Central – e vou explicar os porques:

– Banheiro:

O banheiro era maior, mais confortável e achei muito mais prático ser tudo no mesmo lugar, pois de noite eu já levava minhas coisas pra tomar banho + escovar os dentes e aí fazia tudo em um único lugar, diferente do Samesun.

– Café da Manhã:

Achei o café da manhã mais organizado e com mais opções no Hi Vancouver.

– Cama:

A cama não fazia nenhum barulho e isso fez grande diferença na qualidade do meu sono.

– Elevador x Escadas:

Vai até parecer brincadeira o ponto 4, mas é a mais pura verdade – em nenhum momento da viagem eu imaginei que isso aconteceria, rs. Quando fiz o check in no Samesun e a mulher me entregou o cartão para eu ir para o 4° andar, eu não esperava o que estava me aguardando: lances de escada pela frente e eu com uma mala super pesada já com lembrancinhas e tudo mais. Sério, isso com certeza é um fator importantíssimo para mim e algo que achei muito louco!

Como um hostel, onde as pessoas normalmente estão com malas e mochilões, não tinha elevador? passei MUITO perrengue pra subir com as minhas coisas (contei com ajuda) e quando fui fazer o check out, eu cheguei e falei que alguém ia precisar desde com minha mala. Mas achei bizarro! Caso você vá para lá, veja se tem a opção de ficar no primeiro andar (mas lembre que o primeiro andar ainda tem 2 lances de escada).

escadas samesun(são 6 lances de escada até o 4° andar – ou seja, o dobro disso aí que tá nas fotos. Haja musculação pra aguentar!)

– Check Out:

No Hi Vancouver você faz como em todos os lugares onde já me hospedei – desce, fala que tá fazendo check out, vai embora. Já no Samesun você precisa descer com as roupas de cama, rs. Você já tem suas malas, mochila, suas coisas.. mas precisa descer com a roupa de cama. Não dá! Não gostei mesmo da experiência e não ficaria lá novamente rs. Mas ele tem seus pontos positivos, então é preciso avaliar as prioridades de cada um sempre! 🙂

Um único comentário a favor do Samesun (mas que não me faria escolher ele só por isso) é que em termos de decoração, preocupação com imagem, ele é bem mais bonitinho que o Hi Vancouver Central.

Qual lugar você já se hospedou em Vancouver?

Caso você esteja ainda pensando em viajar mas não tirou seus planos do papel, lembre-se de seguir seus sonhos – leia mais aqui! 🙂


Reserve já sua próxima viagem:

5

Você também pode gostar de

5 Comentários

  • Joffre Lakes: Saiba tudo sobre esse paraíso - Contos e Encontros

    […] você ainda não fechou sua hospedagem em Vancouver, considere ler esse post aqui […]

    Outubro 22, 2018 at 12:34 am Reply
  • 5 Lugares para comer gastando pouco em Vancouver - Contos e Encontros

    […] você ainda não tem onde ficar em Vancouver, veja se esse post te ajuda a […]

    Outubro 28, 2018 at 2:39 am Reply
  • Comprinhas em Vancouver - O que comprei por lá! - Contos e Encontros

    […] você ainda não tem onde ficar em Vancouver, veja se esse post te ajuda a […]

    Novembro 1, 2018 at 4:03 pm Reply
  • Sabrina

    Amei as dicas. Você tem alguma dica para quem vai pro México ( Cancún) 😍😍😍

    Novembro 6, 2018 at 4:02 pm Reply
    • Juliana Alves

      Poxa, vou ficar devendo essa – por enquanto! – mas assim que for, trago dicas e quero ver suas fotos quando voltar =)

      Novembro 10, 2018 at 9:02 pm Reply

    Deixar um comentário