InDica para Blogueiros

Como uma demissão pode ajudar você a ir atrás dos seus sonhos

como uma demissão pode ajudar você a ir atrás dos seus sonhos

Última atualização em

Sim, você não leu errado. Levar aquele famoso pé na bunda pode levar você para outro patamar na vida: hoje vou falar sobre como uma demissão pode ajudar você a ir atrás dos seus sonhos – aqueles que te motivavam quando criança ou que hoje você ainda faz como hobby, lembra?

E para te mostrar como isso pode acontecer precisamos voltar alguns anos e te mostrar como foi na minha vida – começando em quando eu tinha só 17 anos.

Meu sonho era trabalhar com design gráfico ou programação de sites

Quando eu era adolescente ainda e estava no ensino fundamental, criei meus primeiros blogs, fiz flogão e comecei a ver – e me interessar – pelas montagens com glitter, elementos e aquelas letras todas papagaiadas.

Não tinha um real para gastar com isso, então tive que aprender. Na época o primo de uma amiga do colégio trabalhava com isso, tinha a licença do photoshop (o que ele nos passou sem custo através de CD, rs – sim, pirataria!) e foi buscando na internet que comecei a fazer minhas primeiras artes.

E obviamente, como tinha aquela vida de estudante, da hora do almoço até malhação, aprender mais sobre artes era tudo o que eu tinha para fazer – então comecei a ficar boa nisso (a prática leva a perfeição!). Daí migrei para layouts de blogs e comecei a elaborar também códigos fontes para outros blogs. E não cobrei nada por isso (não tinha visão empreendedora na época hehe). Nascia daí meu primeiro sonho de trabalho: queria fazer designs, criar códigos e trabalhar com artes e sites.

Mudança de planos

Na hora de fazer a prova para ensino médio/técnico, a realidade, porém foi outra: pouquíssimas vagas para as áreas de design e a sociedade me dizendo que não era a melhor alternativa. Tem poucas vagas de emprego. Só consegue trabalho através de QI (“quem indica”). Pouco reconhecimento financeiro. Vai passar fome! Rs

E assim, a mudança de planos: faria prova para administração. Passei. Começou aí a mudança de planos e por bastante tempo ela norteou a minha vida.

Vivendo a vida “padrão da sociedade”

A partir da escolha por administração, os empregos começaram a surgir: comecei como extra natal em loja de shopping, fiz estágio do nível técnico em uma empresa grande e a vida no mercado de trabalho continuou fluindo – trabalhei com administração, recursos humanos, financeiro, compras, logística.

Nunca tive medo de recomeçar. Sempre gostei de aprender sobre novas áreas, sistemas e funções.

Mas uma coisa todos os empregos que tive, independente da empresa e das pessoas, tinham em comum: a minha motivação tinha prazo. E ele não era longo como o normal e esperado pelos outros.

O que tem de errado comigo?

Me fiz e refiz essa pergunta algumas vezes. Por que eu não conseguia ser como meus amigos que estavam há anos e felizes na mesma empresa? Por que eu sempre queria novos desafios? Por que não ficava motivada se no início eu gostava tanto do que eu fazia?

A verdade é que eu percebi que aquele modelo de pegar ônibus cheio, trabalhar em escritório que não visa produtividade – e consequentemente ter que ficar lá de 8h as 17h todo dia, independente da minha forma de trabalhar – e trabalhar para enriquecer uma companhia e outras pessoas NÃO era para mim.

Eu não estava feliz! E coooomo ouvi questionamentos e julgamentos por aí! Porque estava em uma empresa multinacional, ganhando um bom salário, tecnicamente eu deveria ser e estar feliz. Só lembrando que isso não significa que eu não fosse grata, tá? Eu era e sou muito grata a tudo que conquistei e tudo que Deus me deu oportunidade de experimentar. Mas nem todo mundo tem as mesmas ambições de trabalho e tudo bem! Existem outras opções!

Vivendo o meu propósito

Em janeiro de 2019 fui demitida. E com a demissão veio a possibilidade de começar a colocar em prática tudo o que vinha adiando pelo cansaço e a falta de tempo: canal no youtube, publicações periódicas no blog, estudos de marketing digital. Tudo o que meu blog – que eu havia criado 5 anos antes – precisava para crescer.

Não posso dizer que é fácil e não tem desafios: TODO trabalho tem desafios! Criar a vida e o trabalho dos sonhos me desafia TODO DIA! Mas fazer o que se ama não tem preço. E se a gente pode enriquecer outras empresas, por que não poderíamos fazer o mesmo por nós mesmos?

+Leia também: O que você tem feito para realizar seus sonhos?

vamos criar a realidade de trabalho que queremos viver
Vamos criar a realidade de trabalho que queremos viver?

Quer entender ainda mais a minha história?

É impressionante a quantidade de pessoas que conheço que se identificam, de alguma forma, com tudo o que eu passei. Por isso, nasceu também o vídeo abaixo:

Ajuda extra

Nessa transição de CLT para empreendedorismo e marketing digital, contei com algumas ajudas extras. A primeira – que eu já estava fazendo antes – foi a terapia: abordar esse assunto e essa transição foi incrivelmente importante e bom para mim.

Ali eu entendi mais sobre os meus sentimentos, meus medos e angústias e pude trabalhar isso em mim para que a instabilidade financeira inicial não fosse motivo que pudesse me levar a desistir de mim, dos meus sonhos e de onde poderia chegar.

A segunda foi o site do Gabriel Smith, um cara incrível que ajuda funcionários CLT a encontrarem o trabalho dos sonhos, mesmo que não tenham a mínima ideia de por onde começar.

Vou deixar um vídeo dele aqui, pessoal! Vale a pena assistir =)

Alguns posts dele me fizeram – e ainda me fazem – refletir sobre quem eu sou e aonde desejo chegar através do que faço e os benefícios de seguir uma vida com propósito.

Ele fala que assumimos o controle da nossa vida quando fazemos essa decisão de viver de acordo com o que amamos gerando assim maior qualidade de vida e sobre o caminho da abundância quando conhecemos nosso propósito – e não é que funciona assim mesmo?

Espero que você, seja lá qual for o seu emprego, esteja satisfeita e feliz com ele! E se não estiver, reflita como você pode agir para mudar essa realidade.

Não precisa ser da noite para o dia e sem planejamento – mas com poucos passos, começando hoje mesmo, você pode ir caminhando para uma nova vida, no caminho da criação de realidade que você quer – E MERECE – viver!

14

Você também pode gostar de

14 Comentários

  • Tais Amaral

    Que post lindo! Parabéns pela sua coragem de vida!
    O mundo precisa de mais relatos assim!
    Me vejo em você, presa em um escritório sem animo pra viver e tudo o que eu vejo são pessoas di\endo para largar tudo do nada e seguir o que vocÊ quer, mas assim não é desse jeito né?
    Obrigada pela indicação e pelas palavras!

    Abril 23, 2019 at 12:44 am Reply
    • Juliana Alves

      Tais, que incrível esse reconhecimento! Concordo 110% com você: não concordo com isso de falar pra ‘largar tudo’, mas acredito sim que podemos dar pequenos passos em direção a vida que queremos criar e com planejamento irmos além. Obrigada pelo comentário cheio de carinho! <3

      Abril 23, 2019 at 1:58 am Reply
  • Maria Rafaela

    Essa publicação está maravilhosa e realmente, se nós deixarmos as outras pessoas decidirem por nós, o que devemos ser ou fazer, nunca sentiremos a sensação de realização.
    Eu demorei um tempo para parar de fazer as vontades dos outros e correr atrás daquilo que me fazia feliz e hoje eu encontrei. Tenho uma profissão que amo e me sinto em paz com o estilo de vida que tenho hoje ♥

    Abril 25, 2019 at 6:08 pm Reply
    • Juliana Alves

      Rafa, fico muito feliz por você ter se encontrado! É isso que quis passar: que independente do que escolhermos ser, que a GENTE escolha e nunca o outro! <3

      Maio 1, 2019 at 1:12 pm Reply
  • Carolina Rabêlo

    Essas transformações de vida a gente passa em duas situações: quando tomamos uma atitude ou quando somos forçados a tomar. Uma dói menos que a outra, mas se faz necessário. No meu caso, eu troquei a estabilidade da carteira assinada, para trabalhar pra mim. Complicado, difícil, mas tudo isso me motiva a não desistir. E como sou feliz com isso! Adorei seu post!

    Abril 26, 2019 at 8:13 pm Reply
    • Juliana Alves

      Carol, perfeito o que você trouxe. Eu também troquei a “estabilidade” entre aspas, porque um livro que eu li trouxe uma reflexão importante sobre isso, falava algo como: estável como, se é uma empresa que pode decidir que não precisa mais de mim de um dia pra outro? e trabalhar pra gente é sinônimo de nunca mais ouvir a palavra demissão! É difícil sim, o dinheiro depende única e exclusivamente da gente.. mas a felicidade é sem preço por isso temos que seguir!

      Maio 1, 2019 at 1:14 pm Reply
  • Romisse Batista

    Muito lindo a sua a superação e a coragem de se reinventar. É admirável pessoas que como você conseguem vencer na vida como um pouco de forca de vontade, adorei o seu relato. Muito inspirador. Abraços

    Abril 28, 2019 at 1:53 pm Reply
  • Malu Silva

    Realmente acho que há males que vêm para o bem. Post muito inspirador e completo como sempre <3

    Abril 28, 2019 at 2:14 pm Reply
    • Juliana Alves

      Verdade Malu, concordo demais que há males que vem para o bem!

      Maio 1, 2019 at 1:15 pm Reply
  • Lucas H. Dolibaina

    E se a gente pode enriquecer outras empresas, por que não poderíamos fazer o mesmo por nós mesmos?

    Amei esta frase!!!

    Me identifico muito com sua historia… nao que eu tenha vivido algo parecido mas sinto uma forte conexao com quem tem desejo por fazer mais por ela mesmo do que faz pelo os outros, nao que a pessoa tenha de ser egoista…

    Mas se voce nao se importar contigo, quem ira?
    Parabens pela decisao e pelo excelente texto!

    Abril 28, 2019 at 5:38 pm Reply
    • Juliana Alves

      Lucas, obrigada pelo comentário! É isso: muitas vezes na vida a gente vai seguindo o caminho que outro desenhou pra gente.. e se a gente não parar pra pensar a gente nem se dá conta disso. Só vai no automático! Essa frase surgiu numa conversa com minha terapeuta e me marcou demais! Sempre penso nela quando tô sentindo medo sobre minha decisão =)

      Maio 1, 2019 at 1:16 pm Reply
  • Jessica Lopes

    Gostei muito de ler sobre seu processo na escolha da profissão e a carreira com o blog, me identifico muito e já vou ver o site do Gabriel, que com certeza vai me ajudar muito! Parabéns pelo post!

    Abril 28, 2019 at 11:11 pm Reply
    • Juliana Alves

      Obrigada Jess! Com certeza o site do Gabriel pode te ajudar demaaaais, ele tem muito artigo nesse sentido! <3

      Maio 1, 2019 at 1:17 pm Reply

    Deixar um comentário